AGENDA INICIAL

Para iniciar um processo de diálogo contínuo com a população, estudamos o que poderiam ser as prioridades para tornar o Brasil um país mais humano, simples e sustentável. Essas dez prioridades servirão de ponto de partida para um processo de escuta nacional, que se encerrará em maio de 2018 e que irá revelar a agenda do Agora! Muito mais do que falar, queremos ouvir a população sobre os seguintes pontos:

 

BRASIL MAIS HUMANO

Reduzir drasticamente a desigualdade

Só um país com acesso igualitário a oportunidades garante direitos e justiça para todos.

Garantir a todos os brasileiros educação de qualidade

Acreditamos que uma educação de alto nível é prerrogativa para elevar o Brasil à condição de potência do novo século.

Proporcionar serviços de saúde adequados a todos o brasileiros

Num país onde mais de dois terços da população usa o sistema público de saúde, viabilizar serviços de prevenção e atenção com qualidade e sustentabilidade financeira é crucial para o desenvolvimento.

Construir cidades humanas e inteligentes

Mais de 85% dos brasileiros vivem em cidades, mas a maioria ainda enfrenta condições precárias. Precisamos transformar a realidade urbana utilizando novas tecnologias para dar um salto na qualidade de vida.

Implantar um plano de segurança pública cidadão e uma política de drogas humana e eficiente

Precisamos nos livrar do medo que divide a sociedade. É fundamental combater o histórico de marginalização e desinformação que anula o potencial de um imenso número de jovens.

 

BRASIL MAIS SIMPLES

Aumentar a eficiência do Estado

A máquina pública precisa funcionar em favor dos cidadãos. É urgente simplificar nosso sistema tributário e criar condições de inovação e empreendedorismo dentro e fora dos governos.

Alavancar novas tecnologias que aprimorem a gestão pública

Um governo verdadeiramente inteligente nos permitirá usar de forma mais eficiente os recursos com a ajuda da inovação tecnológica. Só assim vamos melhorar a experiência do cidadão com serviços públicos e inovar no modelo de participação popular.

 

BRASIL MAIS SUSTENTÁVEL

Cultivar uma economia empreendedora, geradora de empregos e de crescimento inclusivo

Acreditamos que a criatividade e o poder realizador dos brasileiros são capitais simbólicos que devem guiar nosso futuro. Por isso, precisamos de um modelo econômico e um ambiente de negócios que conecte o brasileiro empreendedor com o mundo.

Gerar riqueza a partir do nosso patrimônio socioambiental

Temos a maior biodiversidade do planeta, que historicamente vem sendo colocada em risco. Nossa pluralidade cultural é incontestável, mas isso nem sempre se reflete em inclusão. Precisamos usar a educação, a ciência e a tecnologia para gerar um legado de conhecimento e riqueza através dos nossos patrimônios socioambientais.

Preparar nosso país para o envelhecimento da população

Nosso bônus demográfico está se encerrando. Precisamos começar a discutir e colocar em prática ações concretas para garantir a qualidade de vida em um país que está envelhecendo.

 

Nossa agenda completa, com a participação da população brasileira, será construída até 2018 e estará disponível em nosso site para todos os cidadãos e cidadãs que estão batalhando para construir o Brasil do futuro, agora!